Informativo

Me formei, e agora? Confira dicas para arquitetos e urbanistas recém-formados

Você conhece a cartilha “Me formei, e agora? Pequeno manual de sobrevivência para arquitetas e arquitetos recém-formados” do CAU/RJ? A publicação apresenta, de forma simplificada, temas, termos e conceitos básicos referentes ao universo da vida profissional da arquiteta e do arquiteto urbanista.

A cartilha está dividida em capítulos sobre a relação do profissional com o Conselho, exercício profissional e mercado de trabalho. Se você é um arquiteto e urbanista recém-formado, confira algumas dicas:

  • Registro Profissional

O registro profissional no CAU habilita graduadas e graduados em arquitetura e urbanismo ao exercício da profissão e ao uso do título de arquiteto e urbanista. Para solicitar seu registro profissional, basta acessar o site do Conselho e, através da aba de serviços online, realizar a solicitação.

  • Siccau

O SICCAU (Sistema de Informação e Comunicação do CAU) é uma plataforma desenvolvida para atender aos profissionais. Por meio do SICCAU, arquitetas e arquitetos têm acesso a documentos comprobatórios referentes ao exercício profissional, como Certidões de Registro e de Acervo Técnico, Declarações Negativas de Antecedentes Éticos e de Responsabilidade Técnica Profissional.

  • RRT

O Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) é um documento importantíssimo que comprova que projetos, obras ou serviços técnicos de Arquitetura e Urbanismo possuem profissional responsável devidamente habilitado e com situação regular perante o Conselho para realizar tais atividades. Faça sua parte e sempre preencha os RRTs para cada serviço prestado!

  • Legislações básicas

Para exercer eticamente a profissão de arquiteta ou arquiteto e urbanista, conforme indica o código de ética, é importante ter sempre em mente as legislações importantes que regem o trabalho técnico de profissionais de arquitetura e urbanismo. Entre as principais estão:

NBR 6492 Representação de projetos de Arquitetura

NBR 16636 Elaboração e desenvolvimento de serviços técnicos especializados de projetos arquitetônicos e urbanísticos

NBR 16280 Reforma em Edificações

NBR 15575 Edificações habitacionais | Desempenho

NBR 9050 Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos

Lei Nº 10.257 Estatuto da Cidade

Mais informações na cartilha. Clique aqui para acessar. 

MAIS SOBRE: recém-formados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS

Arquitetura Indígena: “a moradia indígena é a primeira casa brasileira”, diz José Portocarrero

Reviver Centro: a ocupação e a relação com o tempo

Projetos de Lei buscam tornar calçadas mais acessíveis